Tarsia Gonzalez participa do 1º Seminário de Convergência Humanas e Exatas
17 de maio de 2017
Como construir um plano de Voo profissional
22 de maio de 2017

Um filme sobre nunca desistir dos sonhos

Imagine perder a chance de realizar o que você mais ama e sabe fazer na vida? Ser privado daquilo que é sua razão de viver? Minha dica desta semana é o filme Sangue pela Glória, uma história real de superação que nos ensina muito sobre o que é preciso para trilhar seu propósito.

O filme conta a história real do pugilista Vinny Pazienza, um esportista que levava seu empenho ao extremo, com uma carreira meteórica e vitórias que o levavam muitas vezes ao hospital. Mas, em um golpe do destino, Vinny sofre um acidente de carro e se vê quase que impossibilitado de retornar aos ringues. E agora? O que fazer? O que pensar, em primeiro lugar? Como sobreviver à perda de tudo aquilo que dava significado à sua vida. E mais: como tentar retomar esse caminho?
Mais do que entretenimento – sim, o filme cativa e é um bom divertimento também -, Sangue pela Glória é um amplo questionamento sobre o quanto estamos dispostos a dar para vivenciar nossos sonhos. Até que ponto algo tem real importância em nossas vidas a ponto de nos propormos aos maiores esforços e a ultrapassar a negatividade que teima em surgir em momentos de grandes dificuldades.
Vinny Pazienza se propunha a morrer no ringue. Dava literalmente o sangue pelo esporte e pela vitória e essa gana veio das dificuldades que passou no começo de carreira: não foi aceito, teve que se esforçar terrivelmente e encontrou um treinador falido, no qual quase mais ninguém acreditava, que apostou no talento do jovem, e aí, deu a volta por cima.
Ao ser questionado sobre como havia conseguido chegar ao topo, ele respondeu: “com determinação, persistência e perseverança”. Depois do acidente, mesmo com os médicos dizendo que ele jamais voltaria a lutar, suas palavras de ordem eram “coragem, força e paz”. Pensando nisso, eu lhe pergunto: quais são seus pensamentos companheiros de todo dia? No que você realmente acredita?
Dirigido por Martin Scorcese, o filme vale, muito, a pena. E eu enfatizo: assista e faça um paralelo com sua vida: você está dando o sangue pelo que ama? Ou está desistindo facilmente frente ao primeiro desafio? De que forma você está vivendo? Intensamente ou deixando a vida te levar? Envie seus pensamentos e comentários. A troca de informações é importante e pode nos ajudar a promover mais discussões como essas.

1 Comentário

  1. Thaisy Lopes Pereira disse:

    Meu lema é: Foco, Força e Fé.

    Trabalho na Transpes a melhor empresa para se trabalhar, amo o que faço e faço o que amo.
    É muito gratificante ter você Tarsia, com artigos e postagens motivadoras.
    Muito obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *